BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

Alimentação para crianças diagnosticadas com câncer

dezembro 15, 2021 0
alimentacao-criancas-cancer-dieta.jpg

A alimentação é um dos principais pilares no desenvolvimento infantil, uma vez que, se não for adequada nesta fase, pode causar e agravar diversos problemas, como anemia, emagrecimento ou obesidade. No caso de crianças com câncer, a alimentação passa a exercer um papel ainda mais essencial, pois, além de suprir as necessidades do organismo para que o crescimento seja saudável, é responsável, também, por fornecer a energia e os nutrientes necessários para enfrentar o tratamento. 

No post de hoje, nós, do Blog da Medquimheo, reunimos informações fundamentais sobre os cuidados alimentares precisos para fortalecer e suprir as necessidades da criança com câncer. Continue lendo para ficar por dentro dessas dicas!

Veja também –  Câncer infantojuvenil: descubra os principais sintomas! 

Alimentos aliados no tratamento da criança com câncer

Nenhum alimento, por si só, fornece as calorias e nutrientes que o metabolismo exige, por isso é essencial investir em variedade. A alimentação deve ser rica em frutas, verduras e legumes, o indicado é incluir pelo menos 5 porções desses alimentos ao dia. É importante variar as cores desses alimentos, assim, mais nutrientes farão parte da dieta. 

Quanto mais natural for a alimentação, melhor. Alimentos industrializados não devem fazer parte da rotina, um ótimo começo é retirar os temperos industrializados, sucos artificiais, salgadinhos de pacote, biscoitos recheados, carnes processadas e refrigerantes. Fast food, doces e frituras podem ser consumidos muito esporadicamente e com moderação. Se manter hidratado é a dica número um para auxiliar e amenizar alguns dos efeitos colaterais do tratamento oncológico

“Cada organismo é único e reage ao tratamento do câncer de uma determinada maneira.  Por conta disso, é necessário que seja feita uma análise do estado nutricional de cada paciente para que sejam analisadas suas preferências e hábitos. Dessa forma, criaremos uma dieta saudável de acordo com o gosto da criança, para que tudo seja feito da forma mais agradável e confortável possível para o paciente e para família.”

-Dra. Naira Marceli Fraga Silva, nutricionista da Medquimheo.   

Cuidados com frutas, verduras e legumes

Além de ter a preocupação em escolher os alimentos mais adequados para a alimentação, a Cartilha de Orientações para o Cuidado de Crianças com Câncer, produzida pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), indica algumas precauções diárias a serem feitas:

  • Escolher frutas e legumes com casca íntegra e sem partes estragadas. Alimentos com a casca machucada podem estar contaminados por fungos ou bactérias;
  • Ao consumir frutas maiores, após higienizar, partir e guardar em uma vasilha fechada, dentro da geladeira. Nunca comprar frutas já partidas;
  • Guardar as frutas após a higienização em vasilhas tampadas ou saco plástico descartável, dentro da geladeira;
  • Antes de  consumi-las lavar as frutas e verduras uma a uma em água corrente; Depois mergulhar durante 15 a 20 minutos em uma vasilha com um litro de água potável e uma colher de sopa de hipoclorito de sódio a 2% (é vendido nas farmácias/mercados). 
  • Enxaguar com água abundante.

Quais alimentos evitar na dieta da criança do câncer?

Além dos industrializados, é preciso evitar alimentos com alto risco de contaminação. Alguns tipos de câncer e a própria quimioterapia deixam o sistema imunológico enfraquecido e mais suscetível a infecções.

  • Qualquer tipo de carne crua ou mal passada deve ser evitada. O mesmo vale para o ovo, que não pode estar com a gema mole.
  • Laticínios como leite, queijo e iogurte devem passar pelo processo de pasteurização (tratamento feito pela indústria de alimentos), ou seja, laticínios caseiros não devem ser consumidos.
  • Ingerir apenas água tratada.
  • Respeitar o prazo de validade dos alimentos.
  • Armazenar todas as sobras de alimentos na geladeira. Guarde-as em potes com tampa. Se for armazenar por mais de 24h, guarde no congelador. 

Conheça o Blog da Medquimheo

Nosso blog é repleto de posts para te manter sempre bem informado e atualizado. Aproveite mais conteúdos:

Câncer Infantil: confira os principais cuidados que devem ser adotados!

Câncer Infantojuvenil: qual é a importância do apoio psicológico? 

Fonte: Cartilha da UFMG.