BLOG

Acompanhe dicas de saúde, nutrição e bem-estar em nosso Blog.

câncer de mama fatores de risco

cancer-de-mama-fatores-de-risco.jpg

outubro 21, 2021 Câncer de mama0

O câncer de mama é muito associado ao histórico familiar, mas, apesar disso, a herança genética não é o principal fator de risco. Existem várias causas que influenciam no aumento do risco de desenvolver a doença, entre elas fatores endócrinos, comportamentais e hereditários. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), mulheres a partir dos 50 anos têm maior risco de apresentar tumores nas mamas, uma vez que as próprias alterações biológicas, com o passar do tempo, aumentam essa ameaça.

Nós, do Blog da Medquimheo, reunimos os principais fatores que influenciam no surgimento do câncer de mama, além de dicas importantes para te ajudar a prevenir a doença. Confira!

Veja também- Conheça os novos exames para diagnosticar patologias mamárias 

Quais são os fatores endócrinos relacionados ao câncer de mama?

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), entre os principais fatores de risco para o desenvolvimento do câncer de mama, estão:

  • Menarca precoce: mulheres que tiveram sua primeira menstruação antes dos 12 anos de idade;
  • Menopausa tardia: mulheres que entraram em menopausa após os 55 anos de idade; 
  • Nuliparidade: mulheres inférteis, que nunca engravidaram ou tiveram filhos biológicos; 
  • Mulheres que tiveram sua primeira gestação após os 30 anos;
  • Mulheres que fazem ou fizeram terapia de reposição hormonal pós-menopausa, sem o devido acompanhamento médico. 

Quais fatores comportamentais podem levar ao câncer de mama? 

De acordo com o INCA, diversas práticas habituais estabelecidas na rotina das mulheres podem ter um efeito negativo em sua saúde e levarem ao diagnóstico do câncer de mama, entre elas, estão:

  • Consumo excessivo de bebidas alcoólicas;
  • Sobrepeso e obesidade
  • Inatividade física
  • Exposição à radiação ionizante. 

Quais hábitos adotar para prevenir o câncer de mama?

Uma rotina regrada de exercícios físicos e alimentação saudável é considerada aliada na luta pela prevenção e combate ao câncer de mama. Ter o costume de se exercitar por pelo menos dez minutos diários, já traz benefícios para a saúde de modo geral, aumenta a sensação de bem-estar, diminui o estresse e promove mais disposição para o dia a dia. É importante, também, incluir alimentos saudáveis na dieta, como folhas, frutas, verduras e legumes.  

Conheça o Blog da Medquimheo

Nosso blog é repleto de posts para te manter sempre bem informado e atualizado. Aproveite mais conteúdos:

Outubro Rosa: autoestima como aliada ao tratamento do câncer de mama

Obesidade x câncer de mama: entenda a relação!

 

Fonte: Instituto Nacional de Câncer